Microangiopatia cerebral

Por Maramélia Miranda ** (Atualizado em Junho de 2018).

tags: rarefação mielínica, gliose cerebral, angiopatia cerebral, microangiopatia cerebral.

O que é microangiopatia?

Este termo pode aparecer em algum resultado de exame de imagem neurológico, como uma tomografia computadorizada ou ressonância magnética do crânio. Muitas vezes descrito nos laudos de exames como gliose, rarefação mielínica ou angiopatia, trata-se de um termo médico usado para descrever quando alguns pontos pequenos do cérebro, geralmente em áreas mais profundas, recebem pouco oxigênio, glicose e irrigação sanguínea, levando à morte dos neurônios nestes pontos – veja mais sobre Gliose – AQUI.

+++ Veja também: Gliose cerebral

+++ Veja também: AVC Isquêmico

+++ Veja também: Alzheimer: Reconhecendo os seus sintomas

A aparência da microangiopatia no exame de tomografia é de uma área (ou áreas) mais escuras.

Na ressonância magnética, nas sequências T2, a microangiopatia ou focos de gliose aparecem como pontos ou áreas brancas, contrastando com o cérebro normal (de cor cinza) – figura AQUI.

fasekas

Imagens de ressonância magnética do crânio, de 3 diferentes pacientes: as manchas brancas, no meio do tecido cerebral mais acinzentado, são o que chamamos de gliose. Na figura, vemos graus de gliose leve (poucos focos), moderada (figura do meio) e mais grave, com focos de gliose confluentes.

Algumas doenças crônicas frequentes na população predispõem os indivíduos a ter maior ou menor número destes pontinhos brancos no cérebro, como:

  • hipertensão arterial (pressão alta) crônica, principalmente quando não bem controlada
  • diabetes
  • aumento de colesterol ou triglicérides
  • síndrome da apneia do sono
  • doenças cardíacas, coração dilatado
  • infarto do miocárdio prévio
  • arritmias cardíacas, como fibrilação atrial
  • doença renal crônica
  • hábitos de vida ruins, como fumar, etilismo diário e sedentarismo
  • envelhecimento, idade mais avançada

O envelhecimento normal também pode evoluir com áreas de microangiopatia no cérebro. Não tem jeito. Faz parte.

As lesões de microangiopatia cerebral, em geral, se tênues, pequenas, iniciais, esparsas, não dão nenhum sintoma.

Entretanto, se houver progressão ou aumento destas lesões, ou sua confluência – ou seja, ao longo de anos as lesões começando a “se juntar” no cérebro – como por exemplo, em micro-isquemias cerebrais silenciosas, o indivíduo afetado pode ter problemas progressivos de memória, linguagem e cognição, até casos extremos que podem desenvolver demência. Nestes casos, as manchinhas podem ter sido AVCs isquêmicos antigos, que foram se juntando e formando as áreas brancas…

Geralmente estes casos mais sérios, com maiores manchinhas, são as pessoas que não se cuidam, não vão ou não tem acesso a médicos, medicamentos, não controlam seus problemas de saúde crônicos, ou continuam a ter hábitos de vida ruins, como o sedentarismo, fumar e excesso de ingestão de álcool.

O que fazer com a microangiopatia?

Simples assim: Cuide-se. Procure um médico, clínico, ou cardio, ou um neurologista.

Tome seus remédios de pressão alta, mantenha sua pressão arterial em no máximo 120 ou 130×80 (12 por 8), cuide do seu diabetes, se tiver. Controle seu peso. Faça atividade física. Faça exames de check-up regulares. Tenha hábitos e alimentação mais saudáveis.

Identifique se você tem algum fator de risco para desenvolver a microangiopatia. Na dúvida, procure um neurologista e converse sobre o problema, o grau do que foi encontrado, e as medidas para evitar a progressão.

O tratamento das lesões de gliose ou microangiopatia é, basicamente, o bom controle dos fatores de risco cardio e cerebrovasculares associados (doenças crônicas cardíacas, circulatórias em geral, transtornos do sono, obesidade) e evitar-se hábitos de vida correlacionados.

Leia mais…

+++ AVC Isquêmico

 

** Dra. Maramélia Miranda é neurologista com residência e pós-graduação em Neurologia pela UNIFESP-EPM, especializada em AVC e Doppler Transcraniano, editora do blog iNeuro.com.br.

TEM MAIS DÚVIDAS??? LEIAM AS VÁRIAS PERGUNTAS DOS LEITORES ABAIXO… E AS RESPOSTAS…

240 thoughts on “Microangiopatia cerebral”

  1. No exame de minha mãe deu microangiopatia,e ela tem 78 anos,ela corre algum risco de vida?

  2. Boa tarde De meu filho nasceu com meningite e hj ele tem 13 Anos… tem muita dificuldade de aprendizado foi contatado defcte d atenção e faz tto, mas tomografia q ele fez deu o seguinte resultado..
    Controle de pequena área hipodensa em topografia da cabeça do núcleo caudado a direitacom sinais de perda de volume medindo 0,6 cm. Vc pode me explicar esse resultado? Pq sinceramente ninguém sabe dizer.
    Desde ja agradeço.

  3. Olá dr fiz a ressonância por ter muitas convusoes a ponto de ter ficado desacordada por 1 semana e deu no exame leucopatia inespecifica microangiopatia séria isso?

  4. Tenho cinquenta e oito anos sinto muito dor de cabeça e A uns seis meses pra tenho tido algumas grise nervosa e tenho muito formigamento e dormência do esquerdo e dor no peito o pisciquiatra pediu esse exame . Que mostra sinais de microangiopatia e calcificação residual no lobo frontal esquerdo . como posso tratar isso ,ou que significa isso?

  5. Olá Doutora
    Tenho doença auto imune (behcet)e muita dor de cabeça,fiz uma ressonância deu microangiopatia e um lipoma no ventrio direito tamanho pequeno,gostaria de saber se isso pode estar causando minha dor de cabeça ou pode ser do bc

  6. Olá Doutora
    Meu pai tem 73 anos de idade ele fez uma ressonância e o resultado deu hipoatenuacao da substancia branca Periventricular e dos centros semiovais mais comumente decorrente de microangiopatia. Ateromatose. Fiquei preocupada pois só consegui retorno médico para daqui 15 dias

  7. O resultado da ressonância do meu pai deu hipoatenuacao da substancia branca periventricular e dos centros semiovais mais comumente decorrente de microangiopatia. Ateromatose. Fiquei preocupada pois só consegui retorno com o médico daqui 15 dias. Vcs poderiam me dar uma explicação para eu poder ficar mais tranquila.

  8. Boa noite, Drª
    Tenho 26 anos, faço exercícios regulares.
    Sinto formigamentos nos dedos anelar e mínimo do braço esquerdo.
    Sinto dormência do lado esquerdo do rosto, na região mandibular.
    Sinto leve formigamento na canela, na perna esquerda.
    E, por fim, tenho tremuras muscular (espasmos), que duram minutos, em várias regiões do corpo.
    Sinto esses sintomas todos os dias, há 3 meses.
    Alguns dos sintomas da EM.
    Porém, dentre os diversos exames que fiz, como doppler, transesofágico, tilt-test, eletro, esteira, apenas a ressonância magnética apresentou alteração, a qual foi a seguinte: RAROS MÍNIMOS FOCOS DE SUBSTÂNCIA BRANCA NOS LOBOS FRONTAIS, DE ASPECTO INESPECÍFICO. Também dizia no exame, que não havia alterações após aplicação de contraste (não evidenciando inflamação), e que também seria um achado comum em pessoas que têm migrânea (eu não tenho).
    Minha pergunta à senhora é a seguinte: mesmo com os sintomas de EM, mas com poucas evidências nos exames, é possível só com a RM (esse foco de substância branca, mas SEM gliose ou diesmelinização) eu realmente possuir ESCLEROSE? Ou devo descartar e ficar tranquilo em relação a isso?
    Muito obrigado.
    Att,
    Matheus.

  9. Oi, meu pai trata de cancer de próstata e começou uma forte dor no rosto, que sobe pra cabeça, de grita e pedi pra morrer, ele tem 77 anos. Agora fez exame, deu microangiopatia aterosclerotica. O que fazer ? Ninguém me diz o que ele tem. O médico receito um remédio pra dor, de 300 reis. Mas não ta passando a dor , que faço?
    Ele ta com um quadro de inicio de mal de alzheimer, quando a dor ataca começa no rosto e sobe até a cabeça e seu rosto fica todo vermelho, fazendo com que ele comesse gritar de dor . Tenho medo de ele não aguente de dor e um dia cometa suicídio . O que faço? a quem procurar ?
    Me ajude.

  10. Eu tenho um amigo que começou a ter dificuldade de andar, entrar no carro, e depois começou com alteração na voz, finalmente pneumonia química, alimentos estavam indo pro pulmão. Está internado há um mês na UTI, com respiração artificial via traqueostomia, praticamente em coma
    Nenhum exame deu positivo para doenças neurológicas, como o do líquido da medula, dentre outros. O único exame que mostrou uma alteração, esse antigo, uns 6 meses, mostra que há uma hipertrofia na hipófise e uma gliose alta e com a coluna cervical com três inflamações, tipo hérnias de disco. Os médicos desse hospital acham que esse exame não tem relação com o quadro dele, considerado grave. Qual seria sua opinião ? Seria possível uma visita sua a esse hospital, consulta particular ?

  11. Dr. Fiz uma ressonância e esse foi o diagnóstico
    MÚLTIPLOS PEQUENSO FOCOS DE HIPERSINAL EM T2/FLAIR NA SUBSTANCIA BRANCA SUBCORTICAL E DOS CENTROS SEMIOVAIS DE AMBOS OS HEMISFÉRIOS CEREBRAIS, SEM EFEITO DE MASSA OU REALCE PELO MEIO DE CONTRASTE, DE ASPECTO INESPECÍFICO

  12. Achei de muita valia para mimas pergntad qe estão feitas,mas seria melhor ainda se fosse possivel lre as resposta …..
    Como faço para obter as respostas dss perguntas que fiz…

  13. Preciso entender melhor..
    Por favor se for possível
    me responda
    MICROANGIOPATIA CRONICA é início de alzhaimer?
    É uma doença degenerativa que irá progredir…(evoluir)
    Os primeiros sintoma são a perca da menoria recente…. quais outros sintomas podera vir acontecer?
    Existe tratamento medicamentoso?
    Ficarei imensamente grata com seus esclarecimentos
    Desde já muito obrigada!!

  14. Estou a mais de um mes com fortes dores de cabela..principalmente nos lados da cabeça…fiz uma tomografia computadorizada do cranio, acusou o seguinte:
    Leucoencefalopatia Microangiopática….
    O que pode ser isso…
    Será que a dor de cabeça tem alguma coisa a ver com isso..
    Alguém pode me dar uma ajuda por favor…

  15. Minha mãe teve esse diagnóstico. O que devemos fazer?Ela está tratando com medico cardiologista. Que médico é indicado pra esses casos? Qual tratamento correto? Por favor, me responda. Obrigada.

  16. Ricardo, atendo no consultorio apenas, somente consultas particulares. Ligar 5084-0505.

  17. Boa noite, doutora Maramélia Miranda. Meu nome é Ricardo e eu gostaria de saber se a senhora atende para consultas e onde faz este atendimento. Pode me informar também se atende por convênio e como deve proceder para ter acesso a uma consulta particular e/ou por convênio? Tive dois AVC e tenho diagnosticado a microangiopatia. Tenho 49 anos e estou com várias dificuldades com relação à memória. Tenho os exames e relatórios médicos. Tive os AVCs quando estava em Moçambique (África). Moro no Estado de S. Paulo, em São José dos Campos. Posso me dirigir à São Paulo.

  18. Fiz uma tomografia do crânio , tenho 59 anos . O resultado foi a discreta hipodensidade na substancia branca periventricular, da cora radiada e dos centros semiovais indicativa de microangiopatia degenerativa.
    cacificações ateromatosas nos sifoes carotideos e sistema vertebro-basilar. Gostaria de saber se existe tratamento para esse problema.

  19. Drª poderia me dar uma orientação, meu pai tem 70 anos realizado uma ressonância foi constatado microangiopatia, fiquei tensa pois sei que é uma doença grave. Essa doença tem tratamento? Com todos os cuidados e acompanhamento o paciente tem alguns anos de vida.

  20. Tenho microangiopatia tenho sentido dores de cabeça frequentemente meu exame deu isso hipersinal T2 e flair na substancia branca preventicular supratentorial ,foco de hiper sinal Em t2 no hemisfério cerebral esquero ou redução inespecífico leve dilatação do sistema ventricular supratemporal

  21. Boa tarde Doutores especialistas na doença minha esposa tem 51 anos de idade peso 55 kl não tem nenhum problema de saúde só enxaqueca á uns 10 anos e sempre passando em neurologista mudamos varias vezes de médicos e remédios diferentes atualmente toma o Naramig Generico quando sente dor mas sente dor quase todos os dias e ultimo doutor receitou para tratamento o remédio CLORIDRATO DE VENLAFAXINA e o problema da dor permanece ultimo medico solicitou uma ressonância e acusou placas brancas no cérebro tenho medo que minha esposa tenha um derrame ou coisa parecida me passe por gentileza um tratamento para este problema porque parece que minha esposa esta servindo de cobaia para venderem remédios espero que este DR me passe o exato remédio ANTES QUE O POBLEMA AUMENTE PESSO SOCORRO para o tratamento que acusou placas brancas no cérebro GRATO

  22. Minha mãe foi diagnosticada com angiopatia cerebral; o que significa isso?? E tem cura ??

  23. Bom dia minha mãe tem 85 anos fez uma tomografia e no exame deu microangiopatia e o médico falou que é começo de Alzheimer. É isso mesmo?

  24. Tive um apagão a duas semanas. Estava trabalhando e de repente eu parei e fiquei imovel com os olhos abertos e as lágrimas rolando.
    Os colegas do trabalho entraram na sala, não lembro dos colegas entrando na sala e nem o meu chefe mim levando em casa.
    Conversei com uma pessoa muito amiga no estacionamento mais não mim recordo.
    Procurei o meu médico que é Cardiologista, ele pediu a RM do Cranio.
    O resultado é glicose/microangiopatia.
    Vou retornar ao médico que pediu o exame e ver o parecer dele.

  25. Ha uns dois anos comecei a ter visao dupla com dor nos olhos,nenhum oftalmo descobriu o que é, então procurei um neuroe ele pediu uma rm do cérebro e do tronco cerebral,mas so deu sugestivo de microangiopatia/gliose. Tenho 53anos e todos os exames laboratoriais deram normal e continuo com o problema.

  26. Minha ex esposa fez exames e deu que esta com.sinais de leucoencefalopatia microangiopatica frontal e occipital bilateral.
    Qual o tratamento a fazer nesse caso.
    Ele quer fumar e não estamos deixando.

  27. eleuza, isso pode ser encontrado com frequencia em idosos sobretudo se tiverem doencas cardiovasculares cronicas. sugiro vc levar seu pai e o exame ao neuro e pedir orientacao dele.

  28. cicera – procure um neurologista na sua cidade. se tiver algum servico ou hospital com faculdade de medicina, melhor, pois os profissionais costumeiramente terao interesse academico no seu caso.

    neurologista clinico.

  29. Olá boa tarde! Meu pai está com 81 anos e de alguns meses pra cá, começou a esquecer as coisas, não tudo! Mas a neuro solicitou uma tomografia computadorizada! E o laudo foi: redução dos coeficientes de atenuação da substância branca provávelmente causada por gliose microangiopatica! Isso é grave? Tem tratamento? Por favor me respondam estou muito preocupada! Obrigada!

  30. Meu tio tem 62 anos ele teve um AVC o medico pediu uma tomografia de crânio que teve esse resultado:
    TOMOGRAFIA DE CRANIO
    Realizados cortes axiais do crânio em aparelho multislice, sem a administração endovenosa do produto de contraste iodado.
    Áreas hipodensas cortico-subcorticais frontal direita e frontal e temporal esquerdas, com perda de substância associada.
    Áreas de hipoatenuação cerebral, não expansivas, interessando à substância branca periventricular.
    Discreta ampliação não hipertensiva do sistema ventricular supratentorial.
    Discreta proeminência dos sulcos corticais, cissuras sylvianas e cisternas cerebrais.
    Fossa posterior sem anormalidades ao método.
    Ossos do crânio de aspecto tomográfico habitual.
    Ateromatose carotídea, cerebral, vertebral e basilar.
    IMPRESSÃO DIAGNÓSTICA
    Imagens sugestivas de eventos isquêmicos antigos frontal direito e frontal e temporal esquerdos.
    Áreas hipodensas na substância branca periventricular, podendo estar relacionadas a gliose, desmielinização ou infartos incompletos.
    Sinais de involução cortico-subcortical cerebral.
    Ateromatose carotídea, cerebral, vertebral e basilar.

  31. Tenho 40 anos e sou hipertensa; descobri aos 14 anos de idade, quando sofri várias convulsões devido a pressão alterada; na ocasião estava gestante de 26 semanas, algumas coisas parece ter sido deletadas da minha memória na época, tomo medicamentos para controle da PA, e tbm ha 13 anos faco uso de medicamento para dormir, e venho notando q com o uso do mesmo ainda estou com muitas dificuldades para dormir… no começo eram 12 gotas era pra diminuir, mas ao contrário, aumentou e hoje chego a tomar mais de 20 gotas de clonazepam; e mesmo assim ainda ñ consigo dormir mais q três horas por noite! Isso quando durmo. Pq tem dias q ñ durmo; isso está acabando comigo; tenho 40 com aparência de 60 anos; isso está me deixando muito triste.

    o q faço?? Eu preciso de ajuda mas ñ tenho condições financeiras.

  32. Minha mãe tem 84 anos, está lúcida e coerente,mas com episódios de esquecimento. Sua tc resultou em: atrofia cortico-subcortical leve, com predomínio frontoparietal e leucopatia vascular leve. É preocupante?
    Grata,

    Rosa

  33. Ola dr entao tenho 19 anos e desde os 14 tenho crises de dor de cabeça que lateja então agora eu resolvi passar no médico e ele passou uma tomografia do crânio eu fiz o resultado deu: 1- Redução voluntária do parenquima encefalico.
    2- prováveis focos de microangiopatia/ gliose na substância branca periventricular bilateral.
    Ja levei o resultado para o medico ele disse para mim nao se preocupar e passou uma ressonância do cranio para avaliar melhor.
    Mas confesso que estou preocupada!

  34. Minha mae de 64 anos ,iniciou com perda na memória a 1 ano atras e depois com confusao mental a 6 meses. Sua RM do cranio deu microangiopatia gliose leve e reducao volumetrica encefálica. Tem cura, volta ao normal e qual é o tratamento…
    Antecipadamente, obrigada.

  35. Meu pai tem 77 anos. Ele está delirando? esquecendo das coisas e bastante agressivo. O médico pediu uma tomografia e deu o seguinte :
    * Redução volumétrica encefálica difusa
    * Alteração da substância branca supratentorial, de aspecto inespecifico, podendo corresponder a áreas de rarefação da mielina/glicose secundaria a micro-angiopatia
    * Hipodensidade circunscrita em refiao fronteira temporal direita e hemisfério cerebelar esquerdo podendo corresponder a área de infantil prévio
    * Ateromas calcificados em artérias carotidas internas e vertebrais.
    Se poder me ajudar eu agradeço.

  36. Meu pai tem 77 anos. Ele está delirando? esquecendo das coisas e bastante agressivo. O médico pediu uma tomografia e deu o seguinte :
    * Redução volumétrica encefálica difusa
    * Alteração da substância branca supratentorial, de aspecto inespecifico, podendo corresponder a áreas de rarefação da mielina/glicose secundaria a micro-angiopatia
    * Hipodensidade circunscrita em refiao fronteira temporal direita e hemisfério cerebelar esquerdo podendo corresponder a área de infantil prévio
    * Ateromas calcificados em artérias carotidas internas e vertebrais.
    Se poder me ajudar eu agradeço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *