Fellowship em Neurologia Vascular 2021 na UNIFESP

Inscrições abertas AQUI, ou link abaixo:

//sistemas.unifesp.br/acad/inscricao-lato-sensu/index.php?page=INS&tipo=E&codc=2137&anoc=2021

Programa de Fellowship bastante completo, incluindo formação teórica e prática em Neurovascular, Doppler Transcraniano e Neurointensivismo.

TAGS.
#neurovascular #avcisquemico #AVC #neurologia #residencianeurologia #neurologiavascular #neurossonologia #dopplertranscraniano #DTC #trombectomia #AVCI
#avcagudo #avctratamento #trombosevenosacerebral #TVC #avchemorragico #AVCH #trombólisenoavc #trombolise #neurointensivismo #neurouti #terapiaintensivaneurologica

The World Brain Death Project: Proposta de definições e critérios para Morte Encefálica

Publicado como formato de Special Communication na JAMA este mês, o The World Brain Death Project é um trabalho de mais de 5 anos de um grupo de intensivistas e neurointensivistas de vários países, capitaneado pelo Dr. Gene Sung, ex-presidente da Neurocritical Care Society, tentando mapear as definições e práticas que envolvem a determinação de Morte Encefálica no mundo. O imenso trabalho do grupo gerou o documento, que propõe critérios mínimos para o seu diagnóstico, sem a necessidade de testes complementares, como ocorre na maioria dos países com protocolos formais e instituídos.

Embora tenha sido publicado como artigo especial, e não especificamente como uma diretriz ou guideline, é um trabalho detalhado e primoroso de pesquisa das diferentes práticas em Morte Encefálica em inúmeros países de todo o mundo, e compilando estas informações sobre as diferentes definições para uma tentativa de se chegar a um consenso mínimo.

O artigo é longo, tem várias tabelas muito interessantes, sobre os testes ancilares; há nada menos do que 17! Sim, 17 materiais (artigos) suplementares… E, por óbvio, um editorial também foi publicado.

Muito interessante a leitura! Vejam o artigo, e os gaps presentes. Senti falta de endosso de sociedades médicas importantes… Tirando isso, muito bom.

 

LINKS

Greer et al. Determination of Brain Death/Death by Neurologic Criteria. The World Brain Death Project. JAMA 2020. 

Truog et al. Brain Death—Moving Beyond Consistency in the Diagnostic Criteria. JAMA 2020. Editorial.

Conversation with Dr. Bauchner (editor of JAMA) and authors of the document. AQUI. Conversa entre editor-in-chief da JAMA e os autores do Special Report, Drs. Gene Sung e Ariane Lewis.

CRASH-3 Trial: Ácido tranexâmico em TCE hiperagudo

Publicado ontem na revista Lancet. Financiado pelo NIH e outras entidades governamentais. Nada de indústria na jogada…

Mais de 12 mil pacientes randomizados para receber placebo ou ácido tranexâmico, dose ataque de 1g e depois 1g a cada 8h. No começo do estudo, permitiam entrada até 8h, mas depois o comitê do estudo restringiu a randomização até 3h do acidente (trauma).

Bem interessante… Foi positivo para desfecho de morte em casos de TCE leve e moderado, e não observado em TCE grave. Houve uma redução significativa do risco de mortalidade relacionada ao TCE quando o ácido tranexâmico foi dado até 3 horas do trauma craniano leve e moderado (RR 0.78 [95% CI 0.64–0.95]), e não houve diferenças entre placebo e o ácido tranexâmico no TCE grave (0.99 [0.91–1.07]).

LINKS

The CRASH-3 Collaborators. Effects of tranexamic acid on death, disability, vascular occlusive events and other morbidities in patients with acute traumatic brain injury (CRASH-3): a randomised, placebo-controlled trial. Lancet 2019. 

PDF online FREE no site da The Lancet. – AQUI. 

Andrew Cap. CRASH-3: a win for patients with traumatic brain injury. Lancet 2019. 

Vitamina C: Nossas avós tinham razão?!?! CITRIS-ALI publicado

Apresentado hoje no congresso europeu de Terapia Intensiva, em Berlin, o estudo CITRIS-ALI foi negativo para os desfechos clínicos e de alterações inflamatórias até 198 horas, mas a análise pré-programada de desfecho secundário de mortalidade global em 28 dias demonstrou importante redução de mortalidade no grupo de tratamento com altas doses de Vitamina C endovenosa.

Resultado de imagem para vitamin c endovenous

Como diz um amigo meu: Não serve pra gripe mas reduziu mortalidade em Sepse + SDRA????

Ou…: Vovó tinha mesmo razão…?????

LINKS

Fowler III et al. Effect of Vitamin C Infusion on Organ Failure and Biomarkers of Inflammation and Vascular Injury in Patients With Sepsis and Severe Acute Respiratory FailureThe CITRIS-ALI Randomized Clinical Trial.JAMA 2019.

Brent & Angus. Is High-Dose Vitamin C Beneficial for Patients With Sepsis? JAMA 2019. Editorial.

Papers novos, interessantes, sobre o tratamento agudo de Hematoma Intraparenquimatoso

Boas publicações, pra pensarmos.

A pergunta: Fazer o que com HIP na sua fase aguda? Baixar a pressão arterial para níveis menores, abaixo de 140mmHg? Manter terapia convencional, abaixo do alvo de 160mmHg?

Afinal, quem segue as recomendações do INTERACT-2? Quem não acredita em baixar pressão arterial em AVCh primário?

Reflexões sobre o INTERACT-2 e ATACH-2…

PS. Vem aí o INTERACT-3. Aguardem…

LINKS

Buletko et al. Cerebral ischemia and deterioration with lower blood pressure target in intracerebral hemorrhage. Neurology 2019.

Moullaali et al. Blood pressure control and clinical outcomes in acute intracerebral haemorrhage: a preplanned pooled analysis of individual participant data. Lancet Neurology 2019.