Cefaleia crônica – Enxaqueca – Dor de Cabeça

Tags: cefaleia, dor de cabeça, dores de cabeça, enxaqueca, cefaleia crônica diária, cefaleia em salvas.

Por Maramélia Miranda **. Atualizado em Junho de 2018.

 

O problema

A queixa de dor de cabeça é um dos sintomas mais frequentemente referidos nos atendimentos em um consultório ou ambulatório de Neurologia Geral. É uma condição muito frequente na população geral. E ter dor de cabeça em algum momento, vamos combinar, faz parte da vida.

Agora… Ter dor de cabeça todo dia, ou quase isso, por meses ou até mesmo por anos, não. Isso é errado. Isso não é vida. Pelo menos, uma vida normal…

E ficar tomando analgésicos, todo dia, é mais errado ainda, e pode, acredite, ser a principal causa de dor de cabeça crônica!!!

Tipos principais de cefaleia

Tecnicamente denominada de cefaleia pelos neurologistas, estas dores classificam-se em diferentes subtipos:

Cefaleia Primária – quando não há nenhum problema estrutural ou anatômico, como tumores, aneurismas, anomalias ósseas ou anatômicas, provocando a dor de cabeça, e várias pesquisas demonstram que nestes casos, temos apenas as alterações químicas nas pessoas com este tipo de cefaleia. Exemplos clássicos das cefaleias primárias são a cefaleia tensional e a enxaqueca.

Cefaleia Secundária – são as dores relacionadas a outras causas, como sinusites, distúrbios de articulação temporo-mandibular (ATM), tumores no cérebro, aneurismas cerebrais, meningites, hidrocefalias, sinusites, miopia, AVCs, etc.

Existem outros tipos menos frequentes de dores de cabeça, como neuralgia do trigêmio, cefaleia em salvas, cefaleia pós-orgásmica, que são dores mais raras e diferentes, bem diferentes das dores que costumamos chamar de “normais”. Aqui, falaremos das cefaleias ditas primárias, que são:

  • a enxaqueca
  • cefaleia tensional
  • cefaleia crônica diária

Cefaleia Crônica Diária

As cefaleias primárias (o tipo mais comum de cefaleia) podem evoluir com piora da frequência e intensidade das crises, chegando a se transformar em cefaleia crônica diária. Esta condição é caracterizada por sintomas de dor de cabeça quase todo dia, ou, em muitos casos, dores diárias, por longos períodos. Os critérios médicos para caracterizá-la são a ocorrência de cefaleia pelo menos por 15 dias, por um período mínimo de 3 meses.

A cefaleia crônica diária está comumente relacionada também ao uso excessivo de analgésicos orais, em virtude da desinformação dos pacientes, da facilidade com que se tem acesso aos analgésicos em farmácias, e devido à frequente auto-medicação das pessoas que sofrem desse mal.

Abaixo, alguns pontos importantes sobre a cefaleia crônica diária e como lidar com esta condição tão incapacitante.

Frequência da cefaleia crônica diária na população

Cerca de 3 a 5% da população adulta mundial sofre de cefaleia crônica diária importante o suficiente para causar algum tipo de incapacidade. A cefaleia crônica é a segunda causa mais comum de consulta neurológica ambulatorial, perdendo apenas para os transtornos psiquiátricos, como a depressão e o transtorno de ansiedade.

Os subtipos mais comuns de cefaleia crônica diária são: a enxaqueca transformada, a cefaleia tensional crônica e a hemicrânia contínua. Destes tipos todos, a enxaqueca transformada e cefaleia tensional crônica são as mais prevalentes na população.

Fatores que predispõem os indivíduos a ter cefaleia crônica diária

A concomitância de outros problemas de saúde, como distúrbios reumatológicos ou ortopédicos associados, fibromialgia, síndrome miofascial, artrose ou hérnias de disco, além de fatores como o gênero (sexo feminino), uso excessivo e indiscriminado de analgésicos, sintomas psiquiátricos, como a depressão e a ansiedade, presença de obesidade ou consumo exagerado de cafeína e derivados, estão entre os fatores predisponentes para o desenvolvimento de cefaleia crônica.

Enxaqueca transformada

É a ocorrência de dores de cabeça em caráter diário ou quase diário (mais de 5 vezes por semana), quando estas começaram de um quadro típico de enxaqueca esporádica. A enxaqueca que se apresentava em crises intensas, mas com intervalos longos sem dor, pode, ao longo do tempo, evoluir com crises mais frequentes, e chegar ao ponto de crises de dor todos os dias.

Muitos pacientes apresentam a dor diária, sem as características típicas associadas ao quadro de enxaqueca (enjôos, vômitos, intolerância à claridade, ruídos e odores). A enxaqueca comum é frequentemente esporádica, ocorre apenas algumas vezes por mês ou algumas vezes por ano, com crises intensas acompanhadas de náuseas ou vômitos, fotofobia e intolerância ao barulho. A enxaqueca transformada é uma cefaleia crônica, ocorrendo quase todos os dias, menos intensa e que não responde aos analgésicos, podendo inclusive ser induzida ou piorar com o uso frequente e crônico de analgésicos.

Sintomas relacionados à cefaleia crônica

É comum ocorrerem queixas associadas de sono de má qualidade, insônia, dores no corpo, irritabilidade, ansiedade, depressão, alterações do apetite e do humor ou queixas gastrointestinais.

Exames Complementares para investigar as cefaleias crônicas

Somente 1% dos pacientes que tem cefaleia crônica com exame neurológico normal vão apresentar algum problema importante na cabeça, e somente 1 em cada 1000 pacientes terá alguma doença tratável cirurgicamente. Portanto, exames de imagem não são necessários na maioria dos pacientes atendidos. Em algumas situações, estes exames podem ser necessários, como, por exemplo:
• Cefaleia iniciando após os 50 anos de idade (causas: tumores, arterite temporal).
• Cefaleia intensa e de início súbito (causas: hemorragia subaracnóide, encefalopatia hipertensiva).
• Evolução rápida, ou mudança do padrão, da frequência e da severidade das cefaleias (tumores, trombose venosa, outras lesões intracranianas).
• Cefaleia em pacientes com outras doenças infecciosas ou imunidade baixa (linfoma primário do sistema nervoso, neurotoxoplasmose, meningite criptocócica e outras doenças oportunistas).
• Cefaleia em pacientes com câncer (metástases meníngeas ou parenquimatosas).
• Cefaleia de início recente (dias) acompanhada de febre, rigidez do pescoço e confusão mental (causas: meningites, encefalites, abscessos).
• Presença de secreção nasal purulenta ou sinais de gripe (sinusite)
• Presença de hipertensão arterial (encefalopatia hipertensiva, AVC isquêmico ou hemorrágico, feocromocitoma).
• Cefaleia com alterações visuais – embaçamento ou turvação da visão – papiledema no fundo de olho (tumores, trombose venosa, neurite óptica, hipertensão intracraniana benigna).
• Cefaleia com alterações no exame clínico-neurológico
• Cefaleia após um traumatismo craniano (hematomas, infecções).

Tratamento da cefaleia crônica diária

A medida mais importante: parar de tomar todos os analgésicos.

Quando o indivíduo chega ao ponto da cefaleia crônica diária, uma boa parte deles geralmente já andam o tempo todo – no bolso, na sua bolsa, na gaveta do trabalho, no porta-luva do carro – com vários tipos de remédios para a dor, o que é mais um indicativo do uso abusivo destes medicamentos. Este uso indevido e indiscriminado é um grande vilão da história, e leva à perpetuação do ciclo da dor, ou seja, o próprio analgésivo gera cada vez mais e mais dor! É muito louco isso, mas é VERDADE!

Nesta fase, o doente/paciente deverá procurar o auxílio de um neurologista clínico, iniciar o uso da medicação preventiva – diária prescrita, e neste início do tratamento as dores PODEM ATÉ piorar, e o paciente terá que aguentar alguns dias, até o medicamento preventivo fazer algum efeito. Detalhe: deverá aguentar a dor SEM TOMAR NENHUM ANALGÉSICO. Concomitantemente, os pacientes devem usar a medicação preventiva de dor, além de procurar fazer atividades físicas, que melhoram os sintomas de dor crônica na maioria dos casos.

Importante: saber que o tratamento desta condição é a médio e longo prazo, no mínimo por 3 a 4 meses, podendo se extender até 12-24 meses, dependendo da gravidade e do tempo de sintomas referidos.

Complicações dos pacientes não tratados ou diagnosticados tardiamente

Piora da qualidade de vida, depressão, ansiedade… Por achar que tem uma doença grave na cabeça; e perda de produtividade no trabalho ou escola/faculdade. Ou, simplesmente, passar anos e anos tendo dores de cabeça todos os dias, e se acostumar com isso!? Viver continuamente com dores de cabeça? Isso não é certo!

Conselhos principais para os pacientes que sofrem de cefaleia crônica diária:

Parar imediatamente o uso abusivo de analgésicos para a dor.
Procurar URGENTEMENTE um neurologista clínico — para iniciar um tratamento preventivo e eficaz.
Mudar o estilo de vida – prática regular de atividade física, dieta saudável, perda de peso, sono adequado, etc.

 

** Dra. Maramélia Miranda é neurologista com com residência e pós-graduação realizados na UNIFESP-EPM, especializada em AVC e Doppler Transcraniano, e editora do blog iNeuro.com.br.

 

VOCÊ VAI QUERER VER TAMBÉM…

+++ Cefaleia em Salvas

+++ Cisto de Aracnoide

 

317 thoughts on “Cefaleia crônica – Enxaqueca – Dor de Cabeça”

  1. Obrigado pela atenção doutora. Vou seguir o seu conselho. Mas gostaria de saber se a tontura e a falta de sensibilidade do lado esquerdo pode ter relação com a dor de cabeça ou com a ansiedade e nervosismo.

    Muito obrigado!

  2. gilberto, pelo seu relato, parece cefaleia cronica diaria e abuso de analgesicos. a primeira coisa é parar com a neosaldina. e concomitantemente começar um medicamento preventivo. vá a um neuroclinico.

  3. Bom dia Doutora. Primeiramente gostaria de parabenizá-la pelo site, pois é de grande teor informativo para todos nós.
    Eu tenho uma dor de cabeça desde quando eu era criança mas passei a tê-la com mais frequência desde os meus 10 anos. Hoje com 24 anos tem uma dor de cabeça que se tornou crônica. Até os 15 anos quando tinha dores de cabeça eu vomitava e sentia náuseas quando a dor era muito forte. Hoje já não tenho mais náuseas ou vômitos devido a dores de cabeça, mas há 10 anos convivo com uma dor de cabeça que não passa nunca, somente alivia com analgésico. Quando ela está muito mas muito forte em cima dos olhos eu tomo um anti-inflamátorio pois com o analgésico não passa. Sinto dor de cabeça todo dia, pra falar a verdade durmo com ela e acordo com ela. Chego a tomar até 3 comprimidos de Neosaldina por dia para fazer com que ela melhore. Minha dor de cabeça é uma dor pulsátil, dói a cabeça toda, inclusive em cima dos olhos. Quando coloco a cabeça no travesseiro sinto as veias pulsando como um coração mesmo quando a dor está fraca. As vezes a dor é com maior intensidade, mas na maioria das vezes é moderada e consigo realizar minha tarefas diárias, entretanto, ela prejudica minha qualidade de vida. Já fiz ressonância magnética, tomografia computadorizada, eletroencefalograma e até eletrocardiograma. Passei por vários neurologistas, mas nenhum resolveu meu problema. Minha dor de cabeça aumenta quando saio na rua pra resolver alguma coisa ou quando faço algum outro tipo de esforço físico sinto as veias latejando mais fortes. Quando estou deito ou sentado e levanto a cabeça lateja mais e as vezes minha vista escurece. Pra piorar sou extremamente ansioso e estressado, minhas mãos e pés suam muito em algumas situações no trabalho ou quando estava em avaliações na faculdade, tenho fobia social tbm. Iniciei um tratamento com Depakote a alguns anos atrás, mas não consegui tomar nem uma semana, pois tive muita tontura. Por falar em tontura, sinto tontura todos os dias e piora quando o dia-a-dia está mais corrido ou quando estou nervoso, mas a tontura tbm se tornou crônica, tomei até Vertix algumas vezes. Tive, inclusive, paralisia facial periférica a uns 5 anos, fiz fisioterapia e tratamento e voltou ao normal. O que me incomoda muito é que de 3 anos pra cá tenho sentido falta de sensibilidade com levíssima perda de força do lado esquerdo do corpo, a falta de sensibilidade é principalmente na hemiface esquerda, mão esquerda e no pé esquerdo, estou começando a sentir um pouco do lado direito tbm. Foi ai que o neuro pediu a ressonância magnética, onde graças a Deus não deu nada. Porém fico nesse martírio de dor de cabeça, tontura e ansiedade ao extremo e falta de sensibilidade do lado esquerdo, estou em busca desesperada por um diagnostico e um tratamento. Me dê uma luz, por favor, do que pode ser isso.

  4. Lucimara, não vai adiantar vc tomar flanax ou naramig porque estes só atuam na dor… Tem que ter algum medicamento preventivo, e parar o analgésico…

  5. olá sofro a anos cm dor de cabeças ja fiz varios tratamentos e as crises saõ muito fortes, ja tomei sumax , naramig, depakot, pamelor, cte.. as crises saõ horriveis, parece que vou morrer , vomito e parece que minha cabeça vai explodir , numa dessas crises até minha presssao subiu. e hoje fui numa nerologista aqui em florianopolis, contei todo meu caso, que sofro quase todos os dias, não aquento mais, muitas vezes passo em claro sem dormir de tanta dor, a medica me deu naramig e flanax, estou muito decepcionada. paguei 3oo reais numa consulta para comprar naramig?!

  6. POR FAVOR RESPONDA!!! Olá, tudo bem ? .. Eu estava procurando algum site que me mostrasse pessoas com o mesmo problema que o meu. Não conseguir achar direito. Mas vou mostrar o meu problema. Desde que eu era pequena toda vez que eu chorava eu sentia uma enorme pontada atras da cabeça, e eu fui crescendo e essa dor sempre vem quando eu tenho emoções fortes, principalmente o choro. É sempre no mesmo local e de uns tempos para cá está acontecendo em dois lugares. Decidir pesquisar sobre porque agora um lado quase todo da minha cabeça está dolorido, nao consigo pentear direito ou mexer rapidamente a cabeça que doi… Eu não fui ao medico ainda, qual especialista devo procurar, alguem já sentiu isso ou está sentindo ? Por favor respondam !!!!

  7. veronica, o certo é passar no oftalmo para detectar o porque da perda da visão… caso a ressonancia não tenha dado nada. se possivel levar o resultado da ressonancia para o oftalmo ver que no cerebro não tem nada. não é normal aura ficar 17 dias. sendo assim, não foi aura.

  8. TENHO SEMPRE DORES MUITOS FORTES NA NUCA, E AS VEZES NA CABEÇA TODA TAMBÉM, ISSO QUANDO MINHA SINUSITE NÃO ME ATACA NO MESMO DIA. TEM VEZES QUE PARECE QUE MEU CÉREBRO, VAI EXPLODIR , QUE TANTA LATEJA.
    ESSA DOR ME PERSEGUE DESDE MINHA ADOLESCENCIA. MAS VEM SE PIORANDO TEM 6 MESES ATRÁS. TEM UMA EXPLICAÇÃO PRA O MEU CASO,SE TIVER POR FAVOR ME DIZ O QUE TENHO QUE FAZER. PORQUE TOMO REMÉDIO, DORFLEX E NADA.
    MUITO OBGRIGADA!
    VOU FICAR MUITO AGRADECIDA SE ME RESPONDER!

  9. Olá, meu marido teve uma enxaqueca com aura tão forte, que perdeu a visão parcial da vista esquerda. Já fizemos a tomografia e a ressonância magnética, para descartar um possível AVE e, graças a Deus não acusou nada. Porém a visão não normalizou ainda, já fazem 17 dias, estamos fazendo o tratamento com Neurologista. Não achei nenhum caso de pessoas, que a vista tenha demorado tanto pra voltar Isto é normal, a visão dele vai voltar aos poucos?
    /

  10. priscyla, segundo uma colega neuropediatra, dra rejane macedo, a prevenção de crises de enxaqueca e cefaleia cronica em crianças é parecida com a do adulto; pode-se usar flunarizina, depakene, topiramato, em doses para crianças, obviamente. contudo, vc nao pode medicar seu filho sem uma avaliação formal. se ele estiver tendo dor diariamente, e confirmar a cefaleia cronica – enxaqueca transformada, se nao tiver nada no fundo de olho, ou tomografia, nao adianta dar remedio para dor diariamente porque pode piorar — neste caso tem que dar o medicamento preventivo… portanto, se for ao neuro, confirmar a enxaqueca e ele passar apenas analgesico, sem nada de profilatico (preventivo) – troque de neuro! veja outra opiniao.

  11. PRISCYLA –> se nao tiver passando essa dor, passe num pronto-socorro. neste tempo até a consulta com neuro, marque com oftalmo para ver se a visão está OK, porque se tiver algo sério, o exame de fundo de olho no oftalmo pega. enxaqueca em crianças é frequente mesmo, e se a criança tem só dor, sem outros sintomas como febre, nausea e vomito, nao deve ser meningite ou algo mais serio… VAI DANDO APENAS ANALGESICO COMUM…

  12. Eu já tenho alguns mês essa dor infernal ,que nada passa o que dá uma aliviada e o CLORITRATO DE NARAPTANA tomei varios tipos de remédios mas nada melhora ,3 mês de dor .não sei o mais o que fazer,todo mês meu nerurologosta troca de medicamento,atualmente estou tomando DEPAKOTI mas não adianta de nada,não fico nem um dia sem dor isso é muito ruim,sofro muito com isso.
    Não sei mais o que fazer .
    Alguei tem alguma dica ai me passa.

  13. Oi Dra. Meu filho tem 7 anos e há uns 5 dias vem se queixando de fortes dores de cabeça, as dores são tão intensas que ele chora muito. Levei na pediatra q disse ser enxaqueca, mas ele não apresenta náuseas ou vômito. Estou muito preocupada achando que pode ser algo mais sério. Marquei consulta com um neurologista, mas só tem vaga pro mês que vem. O que eu posso fazer quando ele tiver essas crises? Detalhe: a dor é diária e praticamente vem no mesmo horário. Desde já agradeço.

  14. Sinto dor de cabeca todos od dias do lado esquerdo arde e nao para a dor nem com remedio nenhum e ate pra respirar doi ja tem 1 semana q estou assim vai demorar pra eu passar com o neuro pq ta dificil a vaga e to sofrendo demais com as dores e horivel

  15. bruna, isso serve para todos que abusam de analgesicos::: se não parar com o uso dos remedios de dor, não vai melhorar. falo sério. tem que parar o analgesico.

  16. BOA NOITE DOUTORA,SINTO DORES DE CABEÇA QUASE TODOS DIAS,FAÇO USO DE 1 COMP. DE AMATO PELA MANHÃ, E 1 COMP. DE AMYTRIL A NOITE, PARA CONTROLE FAÇO USO DE NARAMIG OU MAXALT,EM CASO DE DOR, MESMO ASSIM AINDA SINTO DORES.ACREDITO QUE SEJA POR ABUSO DE ANALGÉSICOS, ÁS VEZES SÓ PASSA COM MEDICAMENTO ENDOVENOSO.JÁ FIZ TOMOGRAFIA E RESSONÂNCIA.O QUE FAÇO?JÁ NÃO AGUENTO MAIS SENTIR DOR.

  17. minha mae tem 91 anos, sem perceber ela entrou na doença de ozaimer, ela veio da ucrania,separada da famila, foi presa, ela tem visoes a noite que tem ladrão so fala em dinheiro que tem que esconder, çpara comprar comida. ela tem bronquite asmatica, ficou com peneomonia foi internada e o medico não acreditou que ela conseguice sobreviver.fala a noite na lingua ucraniana lembrando o passado, tem lapsos de memoria mais con segue algumas vezers na parte da tarde ter melhora falando o portugues.não consigo mais ver minha mae com tanta dor de cabeça o que devo fazerque tipo de exame ela tem que fazer para detectar a dor de cabe.qauis os tipos de remedio que podera ser aconselhavel, pois os medicos nerologista parece que não tem cordenancia para fazer o tratamento cada um muda de remediodando outro o asalariado termina ficando na angustia , sem saber o que faze por fazor me ajude não sei mais o que fazer

  18. Boa Tarde!
    Tenho 31 anos e tenho enxaqueca desde que me conheço por gente, nossa lembro das minhas irmas brincando no quintal e eu com uns 5 aninhos deitada num quarto escuro com dor de cabeça.
    Já fiquei internada por 15 dias no hospital por causa da crise, quase morri, foi horrível, o medico já não sabia mais o que fazer comigo, cheguei a tomar 15 compridos por dia, ia pro pronto socorro todos os dias com dores e vômitos e só passa a dor no hospital, as vezes só com morfina, fiquei com alergia a Profenid de tanto que tomei na veia. Com esse tratamento engordei em 4 meses 34kg, tive a sensação que fui dormir magra e adorei gorda. Depois o neurologista encontrou um medicamento pra mim o Topiramato e Neozine que faço uso há quase 4 anos, eu tinha dores todos os dias e fazendo uso deles as crises foram passando nossa eu nem acreditei, precisei ir aumentando a dosagem até não ter dores, fiquem sem ser por um bom tempo, mas tive alguns efeitos colaterais indesejáveis como raciocínio mais lento, e perda de memória e isso eu não me perdoo, pois não volta mais, fiquei sem dor mais também fiquei sem minhas lembranças.
    Agora as dores voltaram e eu estou desesperada não sei o que fazer, já fui para o pronto socorro algumas vezes e estou tomando Sumax, fui o neurologista e ele falou que não pode aumentar a dose do Topiramato pois já é alta.
    Estou desesperada não sei o que fazer, com muito medo.

  19. Sofri um acidente e fiquei com enxaqueca o médico me passou pamelor tomei um mês e no mês seguinte não menstruei é normal isso acontecer fico preocupada pq tenho que tomar esse remédio por um ano.

  20. Já fais mais de três semanas que sinto dor de cabeca por todas a parte a te na nuca não sei mais oque fazer meu clínico mim passou o maxlt mais passa e volta novamente tenho até dores no ouvido dói por todas As parte não sei oque fazer já To pensando em outra coisas piores sinto dores todos os dias não consigo dormi a noite tomo remédio mais a dor volta noventa com os 30 minutos

  21. Desde criança tenho enxaqueca com aura, mas eram umas tres vezes por ano , mas agora desde do ano passado tenho tido quase todos os dias a maioria e só os sintomas de tontura embaça a visão ou vejo manchas tenho mal estar , fico confusa de mal humor , tomo meclin p tontura , ass infantil p visão as dores de cabeça são leves . Não sei mais o que fazer fui no neurologista ela disse que eu tenho que tomar remédio p ansiedade quando fico nervosa minha visão fica pior ,as vezes não aguento nem a claridade o que faço me ajude por favor.

  22. sirlei, vc tem que passar com o neuroclinico e levar a lista de tudo o que já tomou, e sempre há uma saída para estes casos. tenha fé. volte no neuro.

  23. Ola..tenho dor de cabeça a mais de 9 anos ja tentei todos os remedios possiveis ..exames ja fiz todos que conheço…neuro..ja fui em varios e minha dor de cabeça nunca passa…não sei o que ficar um dia sem sentir dores

  24. A 5dias comecei a sentir fortes dores de cabeca em toda a cabeca e nos olhos no fundo dos olhos quando tomo paracetamol a dor no fundo dos olhos passa mas a cabeca nao o que faco

  25. tenho dor de cabeça todos os dias acompanhada de tontura pressão na cabeça pontadas em toda
    região da cabeça
    sinto a veia dos dois lados da cabeça pulsar eu trabalho em um escritório e a luz do computador me encomada
    de mais tem dias que tenho que trabalhar de oculos escuro não sei mais o que fazer marquei um neuro
    estou esperando pra passar . quase todas as noites choro pensando que vou morrer a sensação e que vai estourar a veia da
    cabeça chego do trabalho eu vou deitar não tenho vontade de fazer mais nada porque tudo que faço da tontura .
    por favor me ajuda to ficando depremida isso ja faz uns 2 meses .

  26. em outubro de 2013 comecei a sentir dores de cabeca ;enjoo, dormencias nas mão fiquei 15 dias com dores de cabeça fui ao clinico e fiz varios exames de sangue ,coração e uma ultra abdominal deu tudo normal.Em fevereiro desse ano tive uma crise mais forte que em 20 dias nao conseguia mem ficar em pe , procurei um neuro e fiz uma resonancia deu tudo mornal ,o medico falou que era crises de enxaqueca faço o tratamento com o depakote para o controle da dor, mais ainda sinto dores acompanhadas de vomitos enjoo dores pelo corpo ,e perca de raciocinio .o medico me receitou tomar o maxalte sempre que eu ver que vai comecar a dor,mas so tao medrosa que as vezes sinto dor e nao tomo o que posso fazer pra melhorar

  27. Tenho sofrido muito com enxaqueca e cefaleia cronica diaria pelo abuso de analgesicos, já tomei praticamente todas as medicações profilaticas receitadas por neuros, o grande problema é minha sensibilidade/ intolerancia a estas medicações, tenho inumeros efeitos colaterais!!! Tenho sofrido muito!! As dores tem causado prejuisos na minha vida!!! Acupuntura já não dá mais resultado… O botox seria uma boa opção??? O que devo fazer??? Sinto que os neuros já não sabem o que fazer comigo…
    Muito obrigada…

  28. Olá, boa tarde. Tenho 19 anos e tenho sofrido com dores de cabeça todo dia, principalmente recentemente. Pois eu já havia passado por isso a uns 2 anos atrás e foi o inicio de tudo. Essa minha dor de cabeça me deixa desanimado, com obstrução nasal decorrente de coriza liquida, estalos no ouvido devido a pressão que sinto por dentro dos ouvidos. Quando fiquei doente, fui a 3 otorrinos e ambos disseram que eu tinha rinite alérgica por mudança de tempo. Mas nunca consegui ter uma qualidade como a de antes que eu tinha na minha respiração. Quando vou dormir, e me deito de lado um lado do nariz fica obstruído e só consigo respirar pelo outro e assim vice versa caso eu mude de lado. Não sei mais o que fazer, não sei se possuo realmente uma rinite, uma sinusite, ou uma disfunção temporomandibular, pois eu já usei aparelho e depois que parei de usar a parte superior do meu aparelho móvel porque acabou quebrando, fiquei desconfiado até por conta disso. Eu sei que minha qualidade de vida diminui imensamente por conta disso.

  29. Sofro com dores de cabeça desde o 7 anos; já fui a vários neurologistas, tomei vários remédios para prevenção, amitriptilina e propranolol, topiramato,selozok enfim, e sempre o diagnostico é enxaqueca. há mais ou menos uns 3 meses, minhas dores aumentaram e cheguei a tomar vários remédios para dor, inclusive dolantina injetável, melhorando na hora, e depois de algumas horas a dor voltava; fui a um neuro mês passado, e na consulta ele me falou que eu estava viciada em analgésico e me propôs a ficar sem tomar analgésicos, e tomar depakote ER 500 mg e pamelor para prevenção; desde então não tenho sentido dores fortes, mas hoje acordei com uma dorzinha incomoda do lado direito do cabeça; gostaria de saber o que posso fazer para melhorar essa dor sem tomar analgésico.

  30. michelle , muito interessante sua pergunta: na verdade, o pamelor certamente deve ter sido passado para PREVENIR as crises de dor. O naramig, por sua vez, é um remedio usado para apenas os casos de crises de dor.

    Ou seja: não adianta estar com dor e querer tomar mais um pamelor. ele age de outra forma, prevenindo a dor do dia seguinte, e vc deverá tomar ele por meses, até ficar sem dor e o neuro desmamar e retirar o remedio.

    o naramig vc deverá usar apenas no comecinho da dor ou da crise de enxaqueca. ou quando esta dor estiver forte.

    Pode usar os dois sim, sem problemas, mas em tese, o certo é vc NÃO PRECISAR USAR O NARAMIG. o certo é usar apenas o pamelor, e episodicamente, raramente, precisar usar o naramig ou qualquer outro remedio de dor (paracetamol, dipirona, etc).

    se a pessoa estiver precisando usar varias vezes o naramig (ou seja, estiver tendo vários episodios de dor), é porque o pamelor (preventivo) não está funcionando a contento. neste caso, vc deve passar novamente com o neuro e rever a dose do pamelor, ou o tratamento preventivo como um todo.

    entendeu? é meio confuso, não sei se me fiz entender…

  31. Olá, meu nome é Michelle.
    Tenho 16 anos e há 11 sofro com enxaquecas.
    Meu neurologista me indicou o Pamelor e naramig em caso de dor.
    Minha preocupaçao é quanto ao uso dos dois, já que o meu clínico geral me falou que nao é recomendado o uso dos dois juntos.
    Existe, de fato, algum problema em tomar o naramig enquanto me trato com Pamelor?

  32. Minha Mãe está a mais de 10 dias com fortes dores de cabeça no lado esquerdo da cabeça e no olho esquerdo, ela tem 74 anos e ja estou bastante aflito, ja fomos 3 vezes a urgencia dos hospitais e so dizem que eh uma crise de enxaqueca!! Ja fui a dois neuros e eles relatam as mesmas coisas mais ela ja foi medicada e a dor passa um pouco e depois volta com a mesma intensidade, foram pedidos uma RM com angio do cranio e estamos esperando o plano de saude autorizar!! Isso eh normal um enxaqueca nao passar a mais de 10 dias mesmo sendo medicada?? Ela esta tomando imigram de 50mg receitadas pelo neuro!! Mais ate agora nao ficou curada!! Entao a minha pergunta é, sera possivel uma enxaqueca? Ou poderá ser uma coisa mais grave ja q nao passa com a medicação??? Desde ja agradeço a atençao

  33. Oiiii, sofro com dor de cabeça diariamente,gostaria de saber uma medicação pra diminuir as dores. o que devo tomar?

  34. Tenhl dor de cabeça ha mais de 2 anos contantemente e o pior e que nao tem intervalos sito dor diariamente durante todo esse periodo tenho acompanhamento com um neurologista msis ate hj nadz resolveu

  35. Rosa, não deve ser do microadenoma, pois microadenomas geralmente são pequenos, não causam dor de cabeça, mas apenas alter hormonais. Se sua filha tem cefaléia diariamente e toma muitos analgésicos, a primeira coisa eh tentar parar os analgésicos. Depois procurar um bom neuro ou neuro (médica) :)….
    Depois disso, o ou a neuro irão passar um remédio preventivo, para sua filha melhorar… As e boa sorte.

  36. Minha filha de 20 anos tem dor de cabeça todos os dias com tontura, ela tem microadenoma hipofisario de prolactina alta. Nao sei se é porcausa do microadenoma, ja levei em varios medicos dizem pra nao preocupar nao sei mais a quem recorrer.. Sera que essas dores com tontura qdo abaixa a cabeça ê devido ao microadenoma? Tem cura? Nao aguenta mais tomar analgesicostodos os dias 24 horas por dia? A quem devo recorrer?

  37. VANESSA, pelo relato, também não sei o que tens. precisaria conversar melhor sobre estes sintomas, detalhar cada um deles, saber fatores que desencadeiam, fatores que melhoram, e pelo que vc fala, aparentemente (não comentou), os exs todos que vc fez até o momento vieram normais. isso tranquiliza bastante, e o fato de vc ter isso há muitos anos (deve ser adulta jovem, pelo relato e forma de escrever). se o evento sempre termina com uma dor de cabeça, pressão em um dos olhos, deve ser algum tipo de cefaleia, mas não crônica, e sim episódica… aparentemente, pode ser só uma crise de enxaqueca, mais diferente do que o habitual. importante é saber que quanto mais vc ficar nervosa numa crise destas, mais sintomas de dormência nas mãos e pernas vc irá sentir, porque a hiperventilação (nervosismo extremo com a respiração ofegante sem parar) leva a estes sintomas de adormecimento nas mãos e nos pés, e algumas pessoas inclusive chegam a “travar” as extremidades de tanta hiperventilação. por isso, indico: faça algo na hora, para relaxar, tentar se acalmar, meditação, algo bem zen, com certeza irá melhorar na hora do evento.

  38. OLÁ, DESDE PEQUENA (8 ANOS), TENHO UMAS CRISES ESTRANHAS , JA ME CONSULTEI COM MÉDICOS NEUROLOGISTA,CARDIOLOGISTA .. FIZ TOMOGRAFIA…ETC.. MAS ATÉ HJ NÃO SEI O QUE TENHO.
    DE UM MOMENTO PARA O OUTRO, MEUS BRAÇOS,MÃOS COMEÇAM A FORMIGAR, DEPOIS SE ESPALHA PARA OUTRAS PARTES DO CORPO, COMO ROSTO,PERNAS,PÉS.
    LOGO MINHA VISÃO TBEM É COMPROMETIDA, PARECEM UNS RAIOS , FAÇO FORÇA PARA ENXERGAR.
    COMEÇO A TER DIFICULDADES DE FALA E DE RACIOCÍNIO..
    O MEU DESESPERO É TANTO QDO COMEÇA, QUE SÓ DE DESCREVER OS SINTOMAS AQUI, JA FICO NERVOSA.
    LOGO APÓS, SINTO UM DOR DE CABEÇA TERRÍVEL, COM PRESSÃO EM UM DOS OLHOS, ENJOO… E TENHO QUE PROVOCAR O VÔMITO PARA QUE OS SINTOMAS MELHOREM. É HORRÍVEL!
    O QUE PODERIA SER?
    OBRIGADA!

  39. priscila, infelizmente os remédios podem dar reações diferentes em indivíduos diferentes. assim é a medicina. infelizmente, este remédio não deu certo com vc. portanto, deve falar isso ao neuro, pois há outras opções de tratamento preventivo. pelo seu relato o histórico, no seu caso parece ter indicação o uso de algum preventivo. outro ponto importante é que vc, sendo leiga, não pode indicar nenhum remédio a ninguém. isso é papel do profissional médico. casos de cefaleia cronica devem ser tratados com preventivos, infelizmente, excetuando alguns raros casos como, por exemplo, em gestantes, sob o risco de efeitos colaterais de malformações ao feto, onde terapias alternativas podem ser prescritas. caso vc não queira usar de forma alguma qualquer remedio preventivo, resta apenas terapias como psicologia, terapia comportamental, ioga, acupuntura, e sempre lembrar que os analgesicos em excesso, qualquer deles, pode piorar a cronicidade da cefaleia.

  40. Olá!
    Possuo problemas de saúde relacionados ao aparelho respiratório, como asma e bronquite, além de sinusite.
    Tem 4 anos que fui diagnosticada com enxaqueca, com dores em pelo menos 15 dias por mês, fui medicada com diversos medicamentos, inclusive o TOPIRAMATO, remédio que não indico para ninguém, pois possui mais efeitos colaterais do que efeitos desejáveis. Este remédio me impossibilitou de comer qualquer tipo de coisa durante toda a utilização deste, me levando inclusive a ter anemia e perder muito peso.
    Juntamente a este diagnóstico também foi observado um cisto presente na aracnóide, o qual os médicos julgaram pequeno demais para gerar qualquer tipo de desconforto, fiz acompanhamento durante três anos, e ele se manteve estável..
    Também considerei problemas relacionados à visão, uma vez que tenho astigmatismo… Porém a utilização de óculos não fez efeito algum…
    Fiquei pelo menos um ano sem esse quadro, achei que estava curada. Porém, recentemente, as dores estão voltando, não tão fortes e frequentes como antes ainda, mas estão aumentando gradativamente… Ultimamente elas tem sido constantes, predominando dores na região da testa, e desconforto dependendo da posição da cabeça… Não tenho muita sensibilidade a luz, somente som e odores…
    A alguns meses compareci a outro neurologista e apresentei exames e histórico.. o que ele me prescreveu? TOPIRAMATO!!
    Não sei o que fazer, não quero me expor a estes medicamentos que mais me causam malefícios do que benefícios.. O que posso fazer? ):

  41. Ja consultei varios neuro, ja tomei varios remedios hoje; uso amato 100mg e venlaxin 150mg todos os dias faz tempo, mas nada adianta. tenho dores de cabeça todos os dias, uns 5 dias por semana… é insuportavel a dor, vomito as vezes, ate diarreia. nao sei mais o que faço. minha cabeça pareçe que vai explodir e passo vomitando, me acordo sempre mal, ou passo noites chorando… nao sei que fazer, qual medico procurar… sao mais de 25 anos assim. isso nao é vida. me ajude por favor.

  42. Júlia, o limbitrol tem amitriptilina na sua composição, e a dose da amitriptilina presente nesta formulação é uma dose muito baixa (12,5mg), dose que não tem potência antidepressiva, mas pode ser bastante efetiva em cefaléia crônica, tensional e enxaqueca. Portanto diria a vc que a conduta, caso tenha a neuro prescrito apenas 1-2 Cp a serem tomados à noite, esta correta, a depender da freqüência com que tem tido a cefaléia… As vezes os pacientes ficam lendo a bula dos remédios, e muitos remédios não possuem nas suas bulas todas as indicações de doenças para os quais podem ser usados. O limbitrol é um deles. A amitriptilina pode ser usada para inúmeras coisas em medicina: como um antidepressivo, para dor neuropatia, dor de fibromialgia, cefaléia crônica, enxaqueca crônica /transformada, neuralgia trigeminal, ou seja, vários tipos diferentes de doenças. Portanto, nada de se assustar ou ter preconceito com o remédio. Apenas se informar mesmo.

  43. Estava tento dores de cabeca, fui hoje a neuro e ela disse que é cefaléia tensional, e passou limbitrol. Está correto medicamento controlado para depressao para cefaléia?

  44. vivian, o tratamento que vc faz, pelo descrito, é correto, mas tem que ver quais doses chegou a tomar ou está tomando, porque 15 crises por mês é muito!!!!! e já te aviso: se continuar a tomar sumax de 50mg, dipirona, advil, etc… nada irá resolver. como explico no texto, e como é bem estabelecido na literatura médica, o uso abusivo e excessivo de analgesicos em quem tem cefaleia cronica diaria é um trigger fortíssimo para a pessoa NUNCA MELHORAR.
    O que quero dizer com isso? que vc tem que parar de usar remédios de dor. tentar fazer este esforço. e ver com o neuro a dose do topiramato. tem que ir aumentando até controlar. se for o caso, associar outro preventivo. não é admissível que em 2014 tenha pessoas sofrendo desse mal. TEM JEITO! tenha fé, procure seu medico, reveja as doses. E PARE DE USAR ANALGESICOS POR UMAS 2 – 3 SEMANAS. Vc verá que a dor começará a melhorar…

    abs

  45. Tenho enxaqueca desde a adolescência qdo entrei no período menstrual, fui diagnosticada com neurologista fiz ressonância do cérebro para descartar qualquer outro problema o que ocorreu, fiz tratamento com amitryl, por 6 meses, agora tomo topiramato diariamente para a profilaxia, porém nada disso deu resultado continuo tendo de 10 a 15 crises por mês, fui orientada por minha ginecologista a não menstruar todo mês porque no período menstrual a dor dura de 5 a 7 dias então uso contraceptivos de uso continuo dando pausas de 4 em 4 meses, sigo uma dieta rígida para evitar as dores, faço exercícios físicos quando a dor me permite, mas não melhoro minha qualidade de vida é péssima, nas crises tomo sumax de 50mg, dipirona, advil, mas não passa ainda mais quando as crises vem acompanhadas de náuseas e vômitos. Não sei mais o que fazer, gostaria de saber quais os tratamentos alternativos para procurar uma outra solução para o meu problema.
    Desde já agradeço.

  46. tenho tido dores de cabeça diariamente ainda n fui em nenhum medico
    tenho escoliose na coluna,e a dores de cabeça faz parecer que minha cabeça
    vai explodir quando coloco as mão na cabeça como se tivesse apertando algo solto
    a dor melhora mas depois vem intensamente
    e a minha pg é
    quando era mas nova minha mãe sempre me batia na cabeça isso interfere em algo????

  47. por que sinto minha enxaqueca nos olhos ? parece que meus olhos vão saltar de tanta dor, arde demais. fiz exames e tudo deu normal. já passei com 2 neurologistas e nenhum tratamento ate agora deu certo.

    isso começou no final do ano passado.

  48. ione, vc tem que procurar o profissional (neurologista clinico). ou num AME (ambulatorio de especialidades) ou em algum centro academico (hospital universitário que tenha ambulatorio de neurologia clinica. e tem que ser urgente, pois é uma doença muito incapacitante. se estiver tomando analgesicos todos os dias, sugiro fortemente que pare com todos eles. de nada irá adiantar se encher de analgescos, só piora a situação…

  49. Olá! Estou sentindo umas dores de cabeça, tem uns meses já, mas o estranho é que essas dores só acontecem quando eu pulo, ou quando estou de ônibus, e o mesmo passa no quebr-mola, me dá uma dor enorme na parte de cima e da frente da cabeça. o que seria isso? qual médico devo procurar?
    Obrigada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *